armário


Lembro quando você me falou,

dentro do armário,

só tem bolor e naftalina.

Vem já pra fora, meu bem,

que só aqui é que tem,

amor e adrenalina.

Voltei pra casa,

parei na porta,

pensei um pouco…

Nem morta!

Não posso, não posso,

já falei que eu não posso,

não é que eu não queira,

mas é tão difícil pra mim.

É claro que eu quero,

quero mais que tudo,

mas sinto tanto medo,

um medo absurdo!

Medo dos vizinhos,

medo da mommy,

medo do daddy,

e do meu irmão,

que já foi skinhead.

Oh, meu amor,

você me faz tão feliz,

ninguém me fez tanto bem…

Mas já que eu não posso sair do armário,

peço que você entre no armário também…

Anúncios

Uma resposta to “armário”

  1. […] This post was mentioned on Twitter by homofobia ja era, homofobia ja era. homofobia ja era said: armário: http://wp.me/pynAY-15A […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: