chega de meios termos: homofobia é crime, sim.

Se não está previsto em lei ainda é porque nós somos atrasados em tudo ou quase. Se ainda não existe um movimento consistente, maduro e efetivo contra as barbaridades que se cometem em nome do “eu não gosto do jeito que você leva sua vida” é porque somos acomodados, para não dizer acovardados, na ideia arcaica de que afinal este é o velho e bom país da cordialidade. Balela.

Vivemos num tempo de retrocesso e assistimos calados ou apenas manifestando nosso pasmo a uma inédita escalada da violência. Violência típica da idade média. Ou haveria época mais sinistra em que um pai tem a orelha decepada (deve estar em alguma prateleira de troféus…) porque estava abraçado ao filho e foi “confundido” com um gay? Progredimos tanto para chegar a isso?

Este episódio foi tratado pela imprensa em geral com rara insensibilidade, como uma banalidade do dia-a-dia, ou, no linguajar dos boletins de ocorrência de antigamente, como uma “desinteligência”. Não, foi barbárie mesmo! Ah, os caras antes de descer o cacete perguntaram a pai e filhos se eles eram gays. E os coitados nem eram!
Ou seja, se fossem, tudo bem?

Mesmo que os animais tenham partido para cima desses dois infelizes porque não gostaram da cor da camisa que eles estavam usando, ou por causa do corte do cabelo, o “grito de guerra” foi anti-gay e certamente partiu da velha máxima de que “viado tem mais é que tomar porrada”.Um garoto quase fica cego na avenida Paulista agredido com uma lâmpada fluorescente, um rapaz perde os dentes na porta de uma boate por causa de um soco inglês, outro é esfaqueado sem nem saber de onde nem porque, agora aparece este “caçador de orelhas”.

O que mais?

Eis onde nos encontramos, senhoras e senhores, em plena idade das trevas, acessível pelo seu smart-phone, Ipad ou por sua televisão de led 3G. Aproveitem!

Luiz Caversan, 55 anos, é jornalista, produtor cultural e consultor na área de comunicação corporativa. Foi repórter especial, diretor da sucursal do Rio da Folha, editor dos cadernos Cotidiano, Ilustrada e Dinheiro, entre outros. Escreve aos sábados para a Folha.com.

Anúncios

2 Respostas to “chega de meios termos: homofobia é crime, sim.”

  1. De fato esta questão é mais uma que nos leva a pensar: Que valor tem a vida hoje? …. Essa é a sociedade em que vivemos,onde a violencia produz casos cada vez mais casos absurdos e a impunidade prevalece. Gostei do artigo!

  2. Eu estava pensando a respeito disso quando quinta e ontem entrei no facebook e vi varias pessoas falando de uma enfermeira que matou um cachorro. Francamente. Eu ja vi e ouvi sobre casos mais serios no Brasil, um pais onde as pessoas deixam cachorros no quintal. Mas casos de violencia entre seres humanos, homofobia, assalto sexual, abuso, porque nao vira tambem campanha em facebook. Eu acredito que as prioridades estao um tanto como confundidas. Eu falo isso porque vejo tudo de longe mas sinto o mesmo desprazer. Eu quero um mundo livre de homofobia, mas enquanto nao houver uma fiscalizacao total de todos contra piadas, programas de TV com as famosas “bichinhas” o Brasil vai continuar um pais onde nos somos vistos como cidadao de terceira catergoria. Eu nunca gostei de piadas e sempre que recebo alguma eu reclamo e meus amigos pararam de me mandar. A ultima foi uma amiga lesbica que vive no closet e eu reclamei no forward para todos os amigos dela. Isso foi sujo da minha parte, mas existe uma coisa que eu nao tolero gente que vive em cima do muro. Acredito que deva comecar uma campanha para tirar todos os personagens gays estereotipados da televisao brasileira. Nos temos que ser retratados de uma maneira positiva e n ao negativa. Eu moro fora do pais ha muitos nos e estava vendo a Globo na semana passada e realmente com horror de ver que existe um gay afetado numa novela com a Cristiane Torloni e outro que esta vestido de mulher, e um fazendo papel de travesti num metro. Ate aonde isso vai gente?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: